Um tudo ou nada.

fevereiro 08, 2011

Fiquei prisioneira do meu próprio sentir ;
Não sei como ganhei coragem para escrever isto, estou aqui a tentar encontrar as palavras certas mas ao mesmo tempo com um aperto no peito, com uma lágrima no canto do olhos e uma vontade enorme de sair de todo o lado e correr, correr para nenhures.
Já se sentiram assim? Completamente perdidas/os de tudo.
Já não me falta tudo, acho que ainda sei quem sou, mas perdi o norte. Como hei-de seguir em frente se nem bússola tenho, e o sol? Abandonou-me quando mais precisei. Irei eu encontrar o caminho certo? Nem mesmo a minha sobra tenho para me orientar.
Num dia quero, sorrio, luto, esforço-me;
No outro desiludem-me, deitam-me a baixo, acabo por desistir.
Sou fraca, aii não me levasse o vento daqui, não deixaria rasto;
E S T O U P E R D I D A :c

You Might Also Like

16 comentários

  1. Antes de mais é preciso respirares e perceberes que existe sempre um caminho a nossa frente, nunca estas totalmente perdida.
    O sol nao te abandonou, tu é que o deixaste de ver, estas a ser engolida pelos problemas, nao deixes, manda-os para trás das costas e vais ver o brilho de novo.
    Força, e calma, tudo se resolve (:

    ResponderEliminar
  2. ja me senti assim ;s completamente á deriva ;s

    ResponderEliminar
  3. começei a sair todos os fins.de.semana em vez de ficar em casa -.- começei a ouvir musica mais alegre , cantar , dançar , a andar sempre com muita gente , nunca sozinha . eles fizeram-me bem , ajudaram-me , faziam rir todos os dias . tudo o qe é preciso sao bons amigos e tens de pensar qe estas optima ! :p

    ResponderEliminar
  4. muito obrigada! tbm vou seguir (: está lindo

    ResponderEliminar
  5. Sim é difícil querida, mas tens que ter muita força mesmo <3
    Oh obrigada mesmo *-*

    ResponderEliminar
  6. . Obrigada querida $:
    E em relação ao teu texto: a maior FORÇA para seguires em frente!

    ResponderEliminar